Pregorexia

Pregorexia é um termo usado pela mídia e imprensa para descrever mulheres que reduzem a ingestão de calorias e realizam exercícios em excesso com o objetivo de controlar o ganho de peso na gravidez.

Durante a gestação, o ideal para promover o bem-estar fetal é a ingestão de 2200 kcal a 2900 kcal (o que varia de acordo com o peso anterior à gestação, apetite, idade materna). O ganho de peso ideal durante a gestação varia de acordo o IMC (índice de massa corporal = Peso-kg/Altura-cm²) antes da gravidez. Segundo recomendações do Instituto de Medicina Americano, o ganho de peso total na gestação para mulheres com baixo peso (< 18.5 kg/m2) é de 12,5 – 18 Kg, com média de peso semanal de 0,51 Kg; mulheres com peso normal (18.5 kg/m2 a 24.9 kg/m²) é de 11,5 – 16 Kg, com média de peso semanal de 0,42 Kg; mulheres com sobrepeso (25 kg/m2 a 29.9 kg/m²) é de 7 – 11,5 Kg, com média de peso semanal de 0,28 Kg e mulheres com obesidade (> 30 kg/m2 ) é de 5 – 9 Kg, com média de peso semanal de 0,22 Kg.

O termo pregorexia está em evidência na mídia e redes sociais devido à preocupação de muitas mulheres com o ganho de peso e imagem do corpo quando estão grávidas. O risco de pregorexia aumenta em mulheres que têm história de distúrbios alimentares ou com falta de relacionamento e suporte social. O ganho de peso inadequado na gestação está relacionado a baixo peso do recém-nascidos ao nascer e a ingesta deficiente de nutrientes pode levar a deficiência de vitaminas e ferro na gestante.

Os médicos de pré-natal, profissionais da área da saúde e até familiares devem estar atentos a sinais nos quais a gestante está focada na imagem do corpo em detrimento à saúde e nutrição. Os principais sinais incluem:

- Registro detalhado ou minucioso do que come nas refeições

- Conversa sobre sua gestação como ela não fosse real ou não existisse

- Foco na quantidade de calorias ingeridas em cada refeição

- “Pulando” refeições ou deixar de alimentar

- Prática excessiva de exercícios físicos

Se a gestante apresenta tais sinais podemos ajudá-la orientando sobre ganho de peso adequado durante a gravidez, como ter hábitos de vida saudáveis e nutrição apropriada para controlar o ganho de peso durante a gravidez.

Também, se necessário, pode ser útil encaminhar para um nutricionista para controle dietético. Em alguns casos, é importante o acompanhamento de profissional de saúde mental para aprimorar os questionamentos da gestante com relação ao seu ganho de peso. Se você está grávida e lutando com sua imagem corporal, partilhar as suas preocupações com o seu médico é fundamental, pois o ganho de peso adequado durante a gravidez é crucial tanto para o bem-estar materno e fetal.